quarta-feira, agosto 15, 2012

"A casa dos espíritos", Isabel Allende


Finalmente! Isabel Allende escreveu "A Casa dos Espíritos" em 1955 e só agora tive a oportunidade de ler este livro, de que gostei imenso.
Através da história de uma família - os Trueba - ficamos a conhecer os aspectos mais importantes da história do Chile desde a década de 20 até à decada de 70 do século passado, guiados por uma narrativa rica, em que os narradores se vão alternando, para tornar a história mais interessante, em virtude das diferentes perspectivas que nos transmitem.
Entre as muitas coisas de que gostei no livro, estão: o cabelo verde de Rosa, herdado por Alba, os espiritos que vaguevam na casa da família, as crises de silêncio de Clara, os remédios populares do velho Garcia, as excentricidades de Nicolau, o desencontro entre jaime e a rapariga que usava muitos colares e pulseiras, a arca das histórias do tio de que já não me lembro o nome, os encontros de Clara e Pedro na margem do rio, e as galinhas que esvoaçavam nos quintais de Las Tres Marias.
E de muito mais. De tudo.


0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home