sexta-feira, maio 08, 2009

"O jogador", Fiodor Dostoievsky

Eis o livro que hoje começo a ler. Tenho a impressão de que vou gostar.

2 Comments:

At 17 maio, 2009 13:32, Anonymous Ilídio César said...

Já o li e posso dizer que amei sem preconceito. Para não revelar nenhum aspecto importante do romance, posso só dizer que esse livro tem tudo: amor/ódio, absurdo, estereótipos, vício (como o próprio título indica), enfim, só lendo. Desejo uma boa leitura.

 
At 20 julho, 2009 15:52, Blogger Manuel Alves said...

Dou-lhe os meus parabéns pela sua escolha.
Dostoievsky é o MESTRE e o modelo de quase todos os grandes romancistas que se lhe seguiram.
Ninguém que se preze de ter alguma cultura devia passar sem ler pelo menos duas ou três das obras deste fino retratista da alma humana.
Ele nos ensina a ver o Mundo humano tal como ele é e será.
Saudações.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home