sexta-feira, junho 06, 2008

Vencedor Vencido

Estive a ler este livro, que me foi oferecido pelo próprio autor. Embora escrito na terceira pessoa, narra a saga do próprio autor como emigrante na Suécia, onde chegou como refugiado político durante o tempo da ditadura salazarista. Num português correcto, o autor não se limita a narrar os acontecimentos, também demonstra capacidade reflexiva, filósófica, e uma visão cultural e histórica bastante interessante.
A Suécia não é um dos países tradicionais da emigração madeirense; é uma cultura completamente diferente e o autor consegue mostrar bem as dificuldades de adaptação a uma sociedade em tudo tão oposta, mas onde foi possível vencer. A força de vontade acaba por ser, sempre, o que mais pesa.

1 Comments:

At 29 junho, 2008 22:39, Blogger Rita said...

fico feliz por encontrar um blog assim... ando com falta de ideias para leituras, e com falta de locais para procurar livros desde que me mudei para a Terceira...

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home